domingo, 19 de fevereiro de 2012

Acredite em você


A mania boba que eu tenho de me apaixonar por qualquer sorriso e brincadeira boba me deixa frustrada. É inevitável, me deixa sem controle. Sou uma palhaça, sem ofensas. É inevitável e insaciável esse meu medo de não ter alguém para amar. Precisava, uma vez na vida, saber se virar. Seria ótimo. Uma maravilha, eu diria.
Você não precisa se tornar uma pessoa fria... Só precisa aprender a lidar com seu emocional. Não seja infantil à esse ponto, não tem necessidade. Aprende a ser quem você pode e sabe ser, não queira ser a modinha "fria" e "desligada" dos sentimentos. Se você os têm, assuma-os e se não tem, não fique procurando. Uma hora ou outra, você aprende. Por bem ou por mal.
Não espere que o cara certo vai aparecer na hora certa, porque você sabe que não vai. Sim, vai aparecer alguém bom o bastante quando você conhecer alguém assim. Não é clichê, não é destino... é a vida mostrando à que veio. Não seja boba, não se sinta boba. Acredite, não em mim, mas sim em você. Acredite naquilo que você quer e sabe que precisa ser.
Seja alguém, não queira ser todo mundo. Seja você. Seja o que a vida te permite, e assim, seja feliz. Se faça feliz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta, fia!