quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Eles, meus amigos



A verdade é que eu to pouco me lixando pra você e pros outros. Quem tem que gostar de mim, gosta por quem eu sou e não por quem eu deveria ser. Gosto de quem fala a verdade na cara, sem rodeios. Adoro pessoas sinceras.
Eles nunca se preocupam em me dizer o que ser e o que fazer. Eles exploram o que eu tenho, o que eu sou.
E é só por isso que eu gosto dos meus poucos amigos. Os de verdade, é claro.
Aqueles que estão aqui por livre e espontânea vontade, por diversão e companheirismo. Eles que merecem tudo o que eu tenho e o que eu posso oferecer.
Eles, meus amigos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta, fia!