segunda-feira, 19 de dezembro de 2011



Uma vontade de ser livre, leve e solta no mundo. Uma vontade de ser do mundo. Precisava ir. Ir e ficar. Sem voltas, arrependimentos ou saudades.
Precisava não depender de nada, e nem me prender por nada. Um coração desencanado, feliz e bem acompanhado. Acompanhado de amor próprio, uma pitada de adrenalina e uma boa dose de loucura.
Quero mais de tudo. Tudo o que puder me trazer o sorriso, a alegria e me fizer bem.
Eu quero ir, sem precisar voltar. To indo, pra ficar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta, fia!