sexta-feira, 9 de dezembro de 2011



Eu sei o que você pensa quando olha pra mim. Talvez se eu fosse mais comportada, falasse mais baixo e não chamasse tanta atenção. Talvez se eu bebesse um pouco menos, te desse menos trabalho e não fosse tão do agora. Talvez se eu não tivesse chegado tão perto, nem te tocado tão fundo, nem sido tão eu. Talvez haveria alguma possibilidade.
                                                                  Caio Fernando Abreu

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta, fia!