sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

Mais sobre mim mesma


As vezes, quando eu fico sozinha com meus pensamentos, eu imagino coisas. Crio histórias e invento um mundo só meu. As vezes imagino que sou mais solitária que o normal e sou feliz assim. Feliz porque não me sinto solitária. Me sinto mais eu mesma, com minhas manias e sem ninguém pra implicar.
As vezes imagino que moro sozinha em um pequeno quartinho decorado do meu jeito, com a minha cara. Uma pequena bagunça, uma cama grande e macia. Uma cantinho pra escrever e uma tv velha pra ver meu filme favorito no sábado à noite.
Cada vez que escrevo alguma coisa sobre mim, acho que estou repetindo a história ou as palavras... Não! Eu descobri que isso tudo sou eu mesma. Minhas palavras, minha história e minhas manias. Que tipo de pessoa eu seria se escrevesse coisas completamente diferentes com palavras estranhas a toda hora? Essa sou eu e pronto.
Hoje estive pensando em como seria morar sozinha. Eu e minhas tralhas. Pode ser divertido, eu tendo meu próprio lugar com minhas coisas e minhas esquisitices. Ah! Seria ótimo!
Vamos lá! Imaginar não faz mal. Pensar também não. E pra ser bem sincera, eu adoro repetir palavras e histórias, porque assim ninguém as esquece.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comenta, fia!